Archive for setembro 2015

post-prescricao

Porque minha instituição deve aderir a prescrição informatizada?

Quando o assunto é prescrição médica, a primeira imagem que vem à nossa cabeça são parágrafos totalmente incompreensíveis, não é mesmo?
Existem muitas teorias por aí analisando porque médicos têm letras tão difíceis de decifrar, mas a grande verdade é que não há motivos para em pleno século XXI as prescrições ainda serem feitas com papel e caneta.

Prescrições informatizadas auxiliam não apenas o paciente mas toda a instituição de saúde. Quando o médico prescreve utilizando nosso software, o sistema passa a assessorá-lo de forma contínua. Todas as receitas médicas ficam armazenadas, podendo, a qualquer momento, serem solicitadas pelo profissional para consulta do histórico do paciente.

O sistema ainda auxilia no preenchimento de formulários fundamentais para o tratamento do paciente e emite inúmeros alertas, como quando o médico for prescrever um medicamento numa dosagem acima do normal.

Além da legibilidade, a prescrição pode ter uma via impressa diretamente na farmácia, que já poderá dar início à separação dos medicamentos. Isto, sem falar no faturamento, com integração entre a prescrição e farmácia, este setor deixa de ser um setor digitador para ser um setor conferente de tudo que ocorreu na internação do paciente.

Como pode-se constatar, a legibilidade é somente uma pequena parte dos ganhos que se tem. Quando o Médico usa um sistema de gestão para registrar suas ações, sua instituição ganha em produtividade.

Read More
post-BLOG-direcaoenvolvimento

Qual a importância do envolvimento dos gestores no processo de informatização?

Para garantir bons resultados, em qualquer atividade, é fundamental o envolvimento por completo dos seus gestores. E durante o processo de informatização da Instituição não é diferente.

Elaborar e acompanhar um cronograma de atividades é parte essencial para a evolução da implantação. Como todo processo, a informatização traz mudanças significativas e novos acordos precisam ser elaborados. Por isso, o envolvimento dos gestores, argumentando, ouvindo e decidindo, contribui de forma decisiva para o sucesso da informatização.

Assim, com a participação ativa dos gestores, se durante a implantação há alguma discordância entre os departamentos, é possível tomar decisões rapidamente, para que os processos possam ser concluídos de forma eficaz e produtiva.

Avaliando os resultados, o grupo consegue reorientar as soluções e caminhar juntos para os objetivos principais da Instituição: a redução dos custos, a eliminação de retrabalho, aumento de receitas e consequentemente melhores resultados.

O SisHosp trabalha para que a informatização não seja um processo árduo, mas sim uma evolução para toda Instituição.

Read More