Prejuízos financeiros hospital

Dicas para evitar prejuízos financeiros dentro do seu hospital

Entenda como a logística bem organizada dos medicamentos pode transformar déficit em lucro e auxiliar sua instituição a evitar prejuízos financeiros dentro do seu hospital!

Quem conhece o ambiente hospitalar por dentro sabe que a logística de medicamentos e insumos representam um enorme prejuízo financeiro para as instituições de saúde em todo país.

Segundo dados do Conselho Federal de Farmácia (CFF), estima-se que cerca de 20% dos medicamentos adquiridos pelos hospitais públicos e privados são desperdiçados anualmente. Um prejuízo que ultrapassa 1 bilhão de reais.

Muitos hospitais, por não possuírem um bom sistema de gestão, acabam por não receberem informações básicas que podem evitar o desperdício como: estoque máximo e mínimo, consumo médio mensal e tanto outros índices que podem ser calculados facilmente através de um sistema informatizado.

É imprescindível para um gestor que deseja reduzir os custos da sua instituição, receber as informações necessárias para entender quais são os principais gargalos desse setor e estancar qualquer desperdício aparente.

Erros humanos também trazem prejuízos financeiros graves.

Estudos recentes divulgados no 2° Anuário da Segurança Assistencial Hospitalar, feito pelo Instituto de Pesquisa FELUMA (Faculdade Ciências Médicas de Minas Gerais) e pelo IESS (Instituto de Estudos de Saúde Suplementar) mostram que a cada uma hora, seis pessoas morrem por “eventos adversos graves”, ocasionados por erros, falhas assistenciais ou processuais ou infecções nos hospitais brasileiros. Desses óbitos, quatro poderiam ser evitados com a realização dos procedimentos corretos.

As consequências para a instituição são péssimas pois a credibilidade e qualidade do atendimento passam a ser questionados por todos os usuários.

Com o Sistema de Gestão Hospitalar do SisHOSP, você evita um dos principais eventos adversos que é o erro de medicação. Com ele você consegue bloquear a utilização de qualquer outro medicamento se não o prescrito pelo médico. Nosso software é capaz de alertar ao médico caso a medicação prescrita interaja de forma negativa frente a outro medicação, evitando assim a ocorrência de interação medicamentosa.

Pacientes vitimizados por essa intercorrência, ficam internados por um tempo médio até 3 vezes maior que o previsto inicialmente, gerando ainda mais custos para a instituição.

Economia de Recursos permite investir em novas tecnologias

Imagine quantos recursos poderiam ser reinvestidos com base nos desperdícios evitados?

Imagine poder controlar tudo dentro da sua instituição desde suprimentos básicos de limpeza até medicações de alto impacto financeiro?

Tudo isso é possível através de um software de gestão eficiente.

As vantagens são enormes, estudos demonstram que a adoção desse sistema promove, apenas em gastos com medicamentos, economia de 25% a 40%.
Com ele, as medicações prescritas são separadas pelo farmacêutico nas doses e formas prontas para uso, juntamente das informações do paciente, leito e horário de administração.

Além do mais, atuar com um sistema de gestão hospitalar permite:

  • Redução do tempo despendido pelo pessoal de enfermagem nas medicações;
  • Redução de erros de administração de medicamentos;
  • Faturamento mais preciso do consumo de medicamentos (por paciente);

E muito mais.

Portanto, investir em um sistema de gestão, com processos mais eficientes que assegurem a segurança do seus pacientes representa uma grande oportunidade econômica para seu hospital.

Saiba mais sobre nossos softwares de gestão e traga mais confiança para sua instituição e evita prejuízos financeiros dentro do seu hospital.

Solicite uma demonstração gratuita do nosso software.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *